quinta-feira, 6 de abril de 2017

Ida-vindas


Ida-vindas


Meu pé soluça
Da ida sem jeito
De minha alma ruça.
Do ânimo - luta;
Dos olhos - desterro;
Dessa Ilíada resoluta.


Mas nas ida-vindas,
Escola da vida,
Fôrma tão linda,
Tantas vezes vivida
Minha façanha,
Odisseia, revisita ida.


Wagner Ortiz
06/04/17