quinta-feira, 25 de novembro de 2010

"Amí-sicos"



A música, brisa natalina,
Sopra as notas de amizade.
Nos envolve em trama cristalina
Nos corações aspira a verdade.


De outras partes e todos lugares
Há encontros amistosos,
Pois a doçura da lira nos ares
Nos enlevam em sons contagiosos.


Da brisa, o músico.
Das notas, amigos.
Da lira, a ternura
De tudo, os "amísicos"!


©Copyright Wagner Ortiz - 2010
Reg. 178-02/299-3

Um comentário:

PATY disse...

Olá novamente,
muito bom, o que dizer...
Realmente a canção de amigos é inesquecível , não?
A amizade dura mesmo que o tempo e a distância tentem apagar, ela continua lá... numa lembrança, num simples som, num simples sorriso...

Amei o poema curtinho, porém agradabilíssimo.

Parabéns!

Bjokas SU